O prefeito Rodrigo Neves esteve, nessa semana, no Hospital Municipal Getúlio Vargas Filho, o Getulinho, acompanhado do secretário executivo Axel Grael, onde anunciou que a unidade começará a realizar cirurgias na especialidade de otorrinolaringologia a partir de outubro.

“Desde que o Getulinho foi reaberto, em 2013, já foram realizados mais de 500 mil procedimentos na emergência. É uma prova do atendimento de excelência que o hospital tem hoje para a população de Niterói”, afirmou o prefeito.

Kátia Moreira Lima, costureira, 35 anos, mãe de três filhos, conta que se sente segura com a assistência do hospital.

“Gosto muito do atendimento do Getulinho, os profissionais são atenciosos e fazem um ótimo trabalho. Toda vez que meus filhos precisam eu venho direto ao hospital”, contou.

Rodrigo Neves vistoriou também as obras de contenção de encostas nas comunidades do Bonfim e Bombeiro Américo. No local, a Prefeitura está investindo R$ 13 milhões na construção de oito pontos de contenção. Atualmente, os operários trabalham no oitavo ponto de contenção, cuja previsão de conclusão é dezembro.

“Esse é um investimento que salva vidas. São obras que não aparecem, mas que são fundamentais, especialmente no atual contexto de mudanças climáticas. Desde o início do nosso governo, graças a esse trabalho, a cidade não registrou nenhuma morte em decorrência de tragédias naturais”, afirmou o prefeito, que anunciou também a contratação de novos projetos para as comunidades Jonathas Botelho, na divisa dos bairros Fonseca e Cubango, e na Rua Lopes da Cunha, na região da Rua 22 de Novembro.