Fundada em 1957 pelo maestro Pedro Motta, a Orquestra La Salle fará um concerto no Plenário Brígido Tinoco, da Câmara Municipal de Niterói, nesta segunda-feira, dia 30, às 18 horas, em comemoração aos seus 60 anos. O evento acontecerá junto com a sessão solene, presidida pelo vereador Paulo Bagueira quando será entregue uma moção de aplausos comemorativa à data. O maestro Henrique Manso Junior, receberá a Medalha Felisberto de Carvalho e o diretor do Instituto Abel – La Salle, irmão Marcelo Adriano Piantkoski será homenageado com a medalha José Clemente Pereira. As duas iniciativas são dos vereadores Paulo Bagueira e Rodrigo Farah.

Considerada a mais antiga atividade cultural do La Salle Abel, a Orquestra permanece sob a regência da mesma família desde quando foi criada, pelo já falecido Maestro Pedro Motta, que passou a batuta para seu filho Henrique Manso, que em 2002 entregou a regência para Henrique Manso Junior.

Vários talentos musicais descobriram o seu caminho ainda na Orquestra La Salle, como Marvio Ciribelli e Marcelo Martins. A Orquestra La Salle já percorreu o Brasil, tendo se apresentado em cerca de 200 cidades.

“É um orgulho para Niterói ter uma orquestra como a do La Salle, que está em atividade há 60 anos. A Câmara se sente honrada por prestar essa homenagem e ser sede desse concerto comemorativo”, destacou o presidente da Câmara Paulo Bagueira.