Mês: novembro 2018

Prefeitura vai repaginar a Avenida Visconde do Rio Branco

Proposta prevê a revitalização desde o entorno do Mercado São Pedro até o Gragoatá A prefeitura de Niterói promete dar uma nova cara à Avenida Visconde do Rio Branco, a mais importante do Centro. A proposta prevê a revitalização desde o entorno do Mercado São Pedro, passando pela nova Praça Araribóia, até o Gragoatá. O edital de contratação da empresa responsável pelas obras será lançado no próximo dia 22, aniversário da cidade. O projeto, a cargo do escritório Burle Max, visa a valorizar a proximidade com a Baía de Guanabara, construindo espaços (pequenas arquibancadas, praças e deques) para que...

Read More

Campeão olímpico, Wallace estreia no Sesc RJ neste sábado, dia 03

Após vencer o Copel Telecom/Maringá Vôlei por 3 sets a 1 em sua primeira partida na temporada 2018-19 da Superliga Cimed, o Sesc RJ estreia em casa com o seu maior reforço, o campeão olímpico Wallace, que chega à equipe ao lado do central Maurício Souza depois de merecido descanso após o Mundial de Clubes seguido de pré-temporada. O jogo, que promete agitar o Ginásio da Tijuca, no sábado (03 de novembro), será às 21h30, com transmissão pelo SporTV. A partida tem tudo para ser um jogaço já que os paranaenses do Caramuru devem chegar com força total pois buscam reverter o resultado negativo sofrido em sua estreia da competição. Já os cariocas, que vêm de uma vitória contra o Maringá, terão ainda a seu favor o oposto Wallace e o central Maurício Souza. Eles estavam em preparação física a todo vapor com intensos treinamentos na Arena 3, no Parque Olímpico, Zona Oeste do Rio de Janeiro. “Agora de forma definitiva os atletas que estavam na seleção brasileira retornam. Neste final de semana já vamos contar com Wallace e Maurício Souza, que são grandes ajudas para conseguirmos nossos objetivos. Daqui para frente foco total nesse primeiro turno da Superliga”, afirmou o técnico Giovane Gávio. Wallace, oposto de 31 anos e 1,98m, tem como maior glória de sua carreira a conquista do título olímpico nos Jogos Rio 2016. Agora, chega ao Sesc...

Read More

A pele e seus 50 tons de rosa – por dra. Eloisa Ayres

No decorrer da vida, várias estruturas do organismo sofrem alterações, que têm sido muito bem estudadas. Até os 20 anos, a pele amadurece e, a partir daí, começa um processo progressivo de envelhecimento. Isso coincide, na mulher, com a fase do pico máximo de produção de estrogênio e seu declínio, no final da segunda década de vida. Por volta dos 50 anos, a mulher já produz menos cerca de 50% de estrogênio e esses níveis caem, abruptamente, após a menopausa. Seus principais sinais e sintomas são: calores, suores noturnos, aumento de peso, irritabilidade e susceptibilidade a infecções. Os valores acima estão diretamente relacionados com a atrofia da pele, perda de colágeno, elastina e ácido hialurônico, bem como, com a formação de rugas e acentuação dos sulcos. Ocorrem também alterações na distribuição do tecido adiposo, com perda de volume em partes importantes, como a face e áreas de reabsorção óssea. Ainda são observadas outras alterações fisiológicas como: alterações da integridade da barreira cutânea, declínio da percepção sensorial e da dor, diminuição da termorregulação, alterações no processo de cicatrização, diminuição nas funções imunológicas e diminuição na produção de vitamina D. Importante entender que essas alterações acontecem em todo o organismo e, por isso, sintomas como ressecamento e lubrificação vaginal, diminuição da libido e incontinência urinária, inicialmente aos pequenos esforços, também vão estar presentes. A reposição hormonal seria uma grande solução para esses...

Read More